quinta-feira, 29 de junho de 2006

Pesca da lampreia e Sável em Rio Mau 1949

1 comentário:

Eia disse...

O tempo passa, a vida esmorece, mas há algo que exite e que a tudo resite. Serena, profunda, sem ter idade, ficará para sempre marcada a nossa humildade, as nossas raizes...
Ao meu avô